Wolfenstein 3D – padrinho do FPS

Por Admin em

Wolfenstein 3D estreou no mercado há exatamente 30 anos e se tornou um precursor dos jogos de tiro em primeira pessoa tridimensionais.

Wolfenstein 3D. A história começou há 30 anos…

Exatamente 30 anos atrás – em 5 de maio de 1992 – Wolfenstein 3D estreou no mercado. A produção criada pela id Software fez história para sempre, dando origem a toda uma onda de jogos de tiro em primeira pessoa tridimensionais.

Wolfenstein 3D

Wolfenstein 3D definiu a direção para o desenvolvimento de todo o gênero. Foi desenhado por John Romero, que seguiu seu caminho e cruzou novos limites em suas próximas produções. Doom de 1993 introduziu a capacidade de mover personagens para cima e para baixo e o modo deathmatch, Heretic de 1994 permitiu o uso de itens coletados durante o jogo, e Quake de 1996 adicionou um “console” e muitas notícias importantes para o multiplayer. E foi assim que tudo começou…

Outros títulos importantes na história dos jogos de tiro em primeira pessoa incluem:

  • Tom Clancy’s Rainbow Six (1998) – deu origem ao gênero de jogos de tiro tático
  • Half-Life (1998) – mostrou que um jogo de tiro também pode ser uma boa história
  • Medal of Honor (1999) – iniciou a tendência de atiradores de ação de simulação durante a Segunda Guerra Mundial
  • Quake III Arena e Unreal Tournament (1999) – jogabilidade multijogador dinâmica popularizada
  • Counter-Strike (1999) – jogo de equipe tática popularizado
  • Deus Ex (2000) – combinou jogos de tiro com sistemas erpegowe
  • Resident Evil Survivor (2000) – foi uma tentativa de combinar o medo da sobrevivência com um shooter de corrida
  • Serious Sam (2001) – sublinhou uma batalha louca contra ondas de inimigos em grandes arenas abertas
  • Metroid Prime (2002) – jogo de tiro combinado com aventura e elementos lógicos
  • Battlefield 1942 (2002) – introduziu batalhas de tiro em larga escala envolvendo aeronaves, navios e veículos
  • PlanetSide (2003) – jogo online habilitado para centenas de jogadores ao mesmo tempo
  • FEAR (2005) – jogo de tiro combinado de sucesso com horror
  • BioShock (2007) – provou que é possível criar um shooter “artístico”
Leitura interessante:  A AMD comparou as placas Radeon RX 6000 com a GeForce RTX 3000. Quais são as melhores?

Ao longo do caminho, é claro, também houve jogos da Crytek (Far Cry e Crysis) que levaram os jogos de tiro a um nível superior em termos de gráficos. Houve também novas edições da série Call of Duty que efetivamente popularizaram o gênero. Na última década, porém, jogos como Overwatch, Destiny, PUBG e Fortnite, ou seja, shooters baseados em diferentes heróis e representando o formato Battle Royale, tiveram o maior impacto no desenvolvimento.

Wolfenstein 3D – o que é esse jogo afinal?

Mas voltemos ao assunto. Wolfenstein 3D foi a terceira parte da série (depois de Castle Wolfenstein e Beyond Castle Wolfenstein). Ofereceu a oportunidade de assumir o controle de um soldado americano de origem polonesa – BJ Blazkowicz. Tanto o enredo quanto a jogabilidade envolviam lutar contra as ondas dos nazistas e tentar escapar da fortaleza nazista.

1651800316 120 sddefaultIniciar o vídeo

O jogo consiste em um total de 60 níveis, 4 tipos de armas e 5 tipos de inimigos (mais chefes). Inicialmente, Wolfenstein 3D foi lançado apenas no MS-DOS, mas com o tempo também atingiu outras plataformas: Macintosh, Acorn Achimedes, 3DO, Atari Jaguar, GameBoy Advance, Nintendo SNES, Apple IIGS, PlayStation 3, Xbox 360 e iPhone. Em 2012 – por ocasião do 20º aniversário – a Bethesda também lançou uma versão gratuita do jogo no navegador

A série em si tem muito mais visualizações. Os mais importantes deles são Return to Castle Wolfenstein (2001), Wolfenstein: Enemy Territory (2003), Wolfenstein (2009), Wolfenstein: The New Order (2014), Wolfenstein: The Old Blood (2015) e Wolfenstein II: The New Colosso (2017). Atualmente, a série é encerrada por Wolfenstein: Cyberpilot 2019 – projetado para óculos VR.

Fonte: id Software, Bethesda, Wikipedia, informações próprias

Categorias: Blog