Anonymous invadiu a Nestlé. Não haverá KitKats na Rússia

Por Admin em

Anonymous estão se envolvendo cada vez mais em ações contra a Rússia. Recentemente, hackers pediram às empresas ocidentais que se retirassem do mercado de lá. Não tivemos que esperar muito pelos efeitos …

O Anonymous publicou um comunicado pedindo às empresas ocidentais que se retirem da Rússia para não apoiar o regime criminoso do Kremlin. Caso contrário, eles se tornariam alvos de hackers.

Acontece que o “anônimo” não blefou – os hackers tinham como alvo a Nestlé, que provavelmente tem sido mais criticada ultimamente por permanecer no mercado russo.

Anônimo hackeado Nestlé

Hackers do grupo Anonymous relataram o roubo de um enorme banco de dados – 10 GB de e-mail, senhas e dados de clientes comerciais foram vazados. Para tornar o vazamento crível, um banco de dados de mais de 50.000 clientes corporativos do grupo foi publicado na Internet (no entanto, não recomendamos o download desses dados).

Nestlé fivelas sob pressão

A Nestlé cedeu à pressão dos hackers e anunciou uma mudança em seu modelo de negócios na Rússia. O grupo terá como foco a entrega de produtos essenciais, como alimentação infantil ou alimentação médico/hospitalar. Ao mesmo tempo, a empresa vai retirar marcas conhecidas da Nestlé, como KitKat e Nesquik. As exportações de produtos foram suspensas e a publicidade e o investimento na Rússia foram abandonados.

A empresa não espera obter lucro na Rússia e não pagará impostos no futuro próximo. Afinal, a empresa é obrigada a doar todos os lucros para organizações humanitárias. Além disso, deve apoiar centenas de toneladas de alimentos e apoio financeiro significativo para pessoas na Ucrânia e refugiados em países vizinhos.

No entanto, hackers do grupo Anonymous sugerem em termos contundentes que a Nestlé se retire completamente da Rússia.

Leitura interessante:  Game Pass será o único serviço que o jogador precisa

Então parece que a pressão dos hackers realmente fez sentido. Gostaria de saber se outras empresas seguirão a Nestlé e também se retirarão do mercado russo…

Fonte: Anônimo, Nestlé

Categorias: Blog